Ministro da Saúde diz que números acumulados de covid-19 não refletem situação do país

O Ministério da Saúde informou, em nota divulgada pelo presidente Jair Bolsonaro no Facebook, que mudou a divulgação diária sobre os casos de covid-19 porque o acúmulo de dados não estava “retratando o momento do país”.

“A divulgação dos dados de 24 horas permite acompanhar a realidade do país neste momento e definir estratégias adequadas para o atendimento a população. A curva de casos mostram as situações como os cenários mais críticos, as reversões de quadros e a necessidade para preparação”, diz a nota.

Os números acumulados de casos e mortes deixaram de ser divulgados desde ontem pela Saúde. “Ao acumular dados, além de não indicar que a maior parcela já não está com a doença, não retratam o momento do país. Outras ações estão em curso para melhorar a notificação dos casos e confirmação diagnóstica”, justificou a pasta, em nota.

O Ministério disse, ainda, que as “rotinas e fluxos estão sendo adequados para garantir a melhor extração dos dados diários, o que implica em aguardar os relatórios estaduais e checagem de dados”. Por isso, na visão da pasta, a divulgação às 22h é mais adequada.

“Para evitar subnotificação e inconsistências, o Ministério da Saúde optou pela divulgação às 22h, o que permite passar por esse processo completo. A divulgação entre 17h e 19h, ainda havia risco subnotificação. Os fluxos estão sendo padronizados e adequados para a melhor precisão”, completa a nota.

Ontem, o presidente Jair Bolsonaro já havia informado que haveria mudanças depois de, pela segunda vez consecutiva, a divulgação ser adiada para as 22h (de Brasília).

“É para pegar o dado mais consolidado. E tem que divulgar os mortos no dia. Ontem, por exemplo, dois terços dos mortos eram de dias anteriores. Tem que divulgar o do dia”, argumentou.

Os dados oficiais atualizados do Ministério da Saúde apontam ontem que o país alcançou a marca de 35.026 mortes em decorrência do coronavírus, com 1.005 óbitos confirmados nas últimas 24 horas. Com a inclusão de 30.830 novos diagnósticos, o país ainda contabiliza no total 645.771 casos em todo o seu território.


Qualifique Já!

Leia outras notícias em nosso site Qualifique Já! Siga, também, o Qualifique Já! no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (71) 99908-4281.

Curta nossa página

Grupos no WhatsApp e Telegram

Participe também de nossos grupos no WhatsApp e Telegram e receba diariamente todo o nosso conteúdo.