CNN Brasil dispensa advogado que discutiu com Coppolla e criticou Bolsonaro

O advogado Marcelo Feller foi dispensado na quinta-feira (16) do quadro O Grande Debate, da CNN Brasil, depois de discutir com Caio Coppola e criticar pesadamente o governo de Jair Bolsonaro.

Ele durou apenas sete dias no quadro – cinco edições. Segundo o Notícias da TV, o substituto será Bruno Salles no programa de hoje.

É o terceiro advogado a deixar o quadro de debates com Coppola, mas o primeiro por decisão da decisão da emissora. Gabriela Prioli e Augusto de Arruda Botelho pediram para sair da atração.

A CNN Brasil não explicou o motivo que levou à dispensa de Feller, destacando que ele não era contratado, mas um convidado que pariticipava do quadro.

O Notícias da TV afirma que a motivação foram algumas declarações de Feller. Ele afirmou que a omissão do presidente Jair Bolsonaro seria um dos principais fatores para o elevado número de mortes no Brasil por covid-19.

Nesse dia, o youtuber Caio Coppolla ficou revoltado e perguntou se o advogado acusava o presidente de ser assassino por omissão. Feller disse que considera Bolsonaro “absolutamente omisso” diante do cenário da pandemia no país.

A fala repercutiu nas redes sociais, dividindo as opiniões de acordo com quem é favorável ou contra a postura de Bolsonaro na pandemia. Arthur Weintraub, irmão do ex-ministro Abraham Weintraub, tuitou que as declaraçõera eram “gravíssimas” e que iria levá-las ao ministro Justiça, André Mendonça, para analisar providências.


Qualifique Já!

Leia outras notícias em nosso site Qualifique Já! Siga, também, o Qualifique Já! no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva em nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (71) 99908-4281.

Curta nossa página

Grupos no WhatsApp e Telegram

Participe também de nossos grupos no WhatsApp e Telegram e receba diariamente todo o nosso conteúdo.